Amaro Neto único deputado capixaba a recusar auxílio mudança

O deputado federal eleito Amaro Neto (PRB), foi o primeiro e único parlamentar capixaba a recusar a verba de R$ 33.763,00, conhecida como auxílio mudança, que é paga aos deputados federais que iniciam ou terminam o mandato parlamentar.

Em ofício encaminhado ao Presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia, Amaro Neto recusou em caráter irrevogável o subsídio previsto no § 1º do Decreto Legislativo nº 276 de 2014, que estabelece o pagamento de R$ 33.763,00 a título de verba indenizatória. A norma não estabelece sequer a necessidade de comprovação por parte do parlamentar que recebeu o beneficio, que efetivamente utilizou o recurso com a finalidade prevista.


Até o presente momento Amaro Neto foi o único parlamentar que oficialmente recusou o beneficio, ele justificou ter adotado a medida como forma de moralizar os gastos públicos, pois não considera o recurso necessário. “Como representante do povo uma das minhas prioridades enquanto deputado federal será o controle dos gastos públicos, pois tenho consciência de que o dinheiro público tem que ser usado de maneira correta e farei tudo ao meu alcance para que o destino desse dinheiro seja em beneficio da população brasileira” argumento Amaro Neto em sua justificativa. 

Somente a Câmara dos Deputados vai gastar R$ 34,1 milhões até fevereiro deste ano com o auxílio mudança pago aos parlamentares eleitos, reeleitos e não reeleitos. Em todo o Brasil, somente seis parlamentares recusaram o beneficio, dentre eles Amaro Neto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *