Casagrande vai ao Rio em busca de novas parcerias

Na manhã desta segunda-feira (21), o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, se reuniu com o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, para debater assuntos estratégicos e possíveis parcerias em diversas áreas como segurança pública, transportes e economia.

O encontro aconteceu no estado do Rio de Janeiro, no Palácio da Guanabara, sede do Executivo fluminense. Para Casagrande, a integração das polícias dos dois estados é fundamental para a diminuição nos crimes.

Redução de Dívidas

“Tratamos da necessidade de intercâmbio na área da segurança pública, principalmente na troca de informação das inteligências das polícias. Levei ao governador Witzel, para discutirmos junto à ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) e as concessionárias, a possibilidade de instalação de câmaras de leituras de placas integradas aos centros operacionais dos dois estados. Desta forma, vamos controlar melhor o fluxo de veículos e diminuir o roubo de carros e cargas”, disse Casagrande.

Outra parceria defendida pelos governadores é a melhoria na integração dos dois estados, tanto pela rodovia BR-101 quanto pela ferrovia EF-118. “Vamos juntos ao ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, debater dois temas importantes: a conclusão da duplicação da BR-101, agilizando o contorno de Campos; e tratar sobre a Ferrovia EF118. Estamos lutando para que se faça até a divisa. É uma ferrovia que liga a cidade de Cariacica até o Rio de Janeiro, é um tema que vamos tratar junto”, apontou.

O importante tema, do atual modelo de partilha dos royalties do petróleo e da participação especial, também foi amplamente discutido, uma vez que os dois estados são grandes produtores: “Esses assuntos estão tramitando no Supremo Tribunal Federal (STF) e existe uma liminar da ministra Carmem Lúcia favorável ao Espírito Santo e ao Rio de Janeiro, mas o ministro Dias Toffoli pode colocar a matéria para votar. Então, vamos trabalhar juntos na direção de proteger nossos interesses para que, se for julgada, que seja favorável a nós. Também discutimos nossa ação conjunta para que a Petrobras possa explorar ou fazer a concessão dos campos maduros de produção de petróleo”, comentou Casagrande.

Agendas

Na viagem, o governador Casagrande aproveitou a oportunidade e se reuniu com o diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo (ANP), Décio Fabrício Oddone da Costa, e com o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco. Também integram a comitiva capixaba o secretário de Estado de Desenvolvimento, Heber Resende, e o procurador-geral do Estado, Rodrigo de Paula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *