Governador Casagrande defende a volta do funcionamento da Samarco

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), defendeu nesta terça-feira (04) o retorno das atividades da Samarco, paralisadas desde a tragédia de Mariana (MG), há quatro anos. A posição do governador foi compartilhada nas redes sociais, após uma reunião com chefe do Executivo de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), e a diretoria da empresa.

No vídeo, Casagrande defendeu o retorno das atividades da empresa justificando a frágil atividade econômica país e o impacto econômico que a paralisação trouxe para Espírito Santo e Minas Gerais.


“Queremos que empresa volte a funcionar rapidamente. Não queremos que os acionistas deixem de ter a responsabilidade com o desastre que atingiu a bacia do Rio Doce, mas a atividade econômica da empresa é importante que seja reativada”, afirmou.

Casagrande disse ainda que os governadores cobraram mais celeridade da empresa para atender aos quesitos necessários para retorno da Samarco.

“Tá demorando muito. Fizemos uma reunião com a diretoria e o prefeito de Mariana, representando os municípios da Bacia do Rio Doce, para pedir agilidade neste procedimento. Depende de licenciamento, mas também depende da Samarco para dar agilidade neste retorno”, avaliou.

Durante a reunião, os governadores também discutiram investimentos nas região da Bacia do Rio Doce e outros temas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *