Justiça nega pedido de liberdade para o ex-deputado Luiz Durão

A juíza Letícia Maia Saúde, da 2ª Vara Criminal da Serra, negou pedido de liberdade provisória ao ex-deputado estadual Luiz Durão (PDT), preso no dia 4 de janeiro após ser flagrado deixando um motel com uma adolescente de 17 anos. A decisão é desta terça-feira (12).

O ex-parlamentar foi denunciado pela Procuradoria-Geral de Justiça por estupro. O caso começou a tramitar no Tribunal de Justiça do Estado (TJES), mas o desembargador relator declinou da competência por entender que o crime apurado não guardava relação com o mandato que Durão exerceu até 31 de janeiro.


O processo foi, então, enviado à primeira instância, que poderá ou não tornar o ex-parlamentar réu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *