Vandinho Leite quer lei na Câmara da Serra que reduz imposto na conta de luz

O deputado estadual Vandinho Leite em ação conjunta com o vereador da Serra, Gilmar Dadalto (ambos PSDB), protocolou um projeto de lei na Câmara da Serra com o objetivo de diminuir o valor da taxa de iluminação pública, que é  embutida na conta de luz da EDP/Escelsa.

Na semana passada o deputado já tinha vindo a público para denunciar a disparidade da cobrança na Serra quando comparado a Vitória. A diferença é  próxima a 3,5 vezes. “Como explicar o fato de um morador de Jardim Carapina pagar três vezes mais imposto municipal na conta de luz do que um morador da Praia do Canto? É desumano”, disse o deputado.


O tucano afirmou que produziu um estudo técnico e encaminhou ao vereador da Serra, e este já teria protocolado na Câmara um projeto de lei que busca reduzir a alíquota de cobrança, baseado nos valores que são cobrados em Vitória. “Queremos diminuir esse valor e só por meio da Câmara será possível. É uma forma de reduzir o sofrimento da população. Agora precisamos que a população se mobilize para que o projeto seja aprovado”.

Ainda segundo Vandinho,  esse dinheiro recolhido por meio da taxa de iluminação pública não pode ser empregado no custeio da máquina administrativa ou mesmo para promover obras. “Esse dinheiro só pode ser investido na própria área de iluminação que tem uma demanda reduzida. Esse ano já foram R$ 25 milhões, ou seja, tem dinheiro parado na conta da prefeitura “, disse.

Já o vereador Gilmar Dadalto disse que vai trabalhar para que o projeto trâmite o mais rápido possível. “É um absurdo, está saqueado o povo da Serra.  Vamos aprovar esse projeto com certeza”, afirmou o vereador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *